Aparecida

Aparecida combate ambulantes ilegais com ação conjunta

Uma fiscalização conjunta em Aparecida reuniu a Prefeitura local e diversas forças policiais no sábado, 8 de agosto, para combater os ambulantes ilegais que vendem fitinhas e terços para os romeiros que visitam a cidade.

Conhecidos como “malhadores de fitinhas”, esses ambulantes costumam ficar no entorno do Santuário Nacional e na Praça Nossa Senhora Aparecida.

Aparecida - Fiscalização de ambulantes ilegais

Segundo a Prefeitura de Aparecida, a prática oferece riscos aos turistas, em função de arrecadação de dinheiro de forma indevida, furtos e divulgação de informações falsas, gerando o registro de inúmeros boletins de ocorrência na polícia.

A ação conjunta envolveu as Secretarias de Indústria e Comércio e de Turismo de Aparecida, a Polícia Militar, a Polícia Civil, a Polícia Rodoviária Federal, a Guarda Civil Municipal e o CONSEG – Conselho Comunitário de Segurança.

A fiscalização abordou diversos ambulantes ilegais, que foram identificados e orientados sobre a ilegalidade da prática, além de terem seus produtos apreendidos.

Há muito tempo isso acontece na cidade e além da falta de segurança, a imagem da cidade acaba sendo prejudicada, afinal muitos turistas sofrem com a abordagem ilegal. Além dos órgãos envolvidos contamos com a colaboração e ajuda dos comerciantes e munícipes“, afirma o Secretário de Indústria e Comércio de Aparecida, José Fábio Moreira, para quem a ação mostra a preocupação de todos os órgãos em zelar pela segurança dos visitantes e munícipes.

Aparecida - Mercadorias apreendidas pela fiscalização com ambulantes ilegais

De acordo com a Prefeitura de Aparecida, novas ações de fiscalização serão realizadas com o objetivo de inibir as ações dos “malhadores”.

Nota do Editor
Ações como essa são louváveis, mas seria recomendável que elas passassem a abranger outras práticas que prejudicam os visitantes, como, por exemplo, os “promotores” de restaurantes que fazem ofertas que depois não são cumpridas e as práticas de cobrança de alguns estabelecimentos de alimentação que adotam práticas enganosas de cobrança, conforme diversos de nossos leitores já denunciaram. São práticas tradicionais e conhecidas, que só prejudicam os visitantes, o destino e os demais e contrribuintes.

 

Compartilhe

Notícias recentes

Congresso Internacional de Turismo Religioso começa hoje no Uruguai

Congresso Internacional de Turismo Religioso começa hoje no Uruguai

Começa hoje a 17ª edição do Congresso Internacional de Turismo Religioso e Sustentável, que continua… Continue lendo

JMJ Lisboa 2023 volta a ser destaque nos Workshops de Turismo Religioso de Fátima

JMJ Lisboa 2023 volta a ser destaque nos Workshops de Turismo Religioso de Fátima

De longe o mais significativo evento católico, a Jornada Mundial da Juventude (JMJ) Lisboa 2023… Continue lendo

Congresso Internacional de Turismo Religioso tem inscrições gratuitas até 19/5

Congresso Internacional de Turismo Religioso tem inscrições gratuitas até 19/5

O Congresso Internacional de Turismo Religioso e Sustentável, que acontece de 9 a 11 de… Continue lendo

Congresso Internacional de Turismo Religioso e Sustentável chega ao Uruguai

Congresso Internacional de Turismo Religioso e Sustentável chega ao Uruguai

A  cidade de Paysandú, no Uruguai, será a sede da 17ª edição do consagrado Congresso… Continue lendo

Rota das Catedrais mostra que turismo religioso pode ser feito de bicicleta

Rota das Catedrais mostra que turismo religioso pode ser feito de bicicleta

Dá pra se fazer turismo religioso de bicicleta? Há vários exemplos que mostram que sim,… Continue lendo

Jordânia é o Destino Convidado dos Workshops Internacionais de Turismo Religioso

Jordânia é o Destino Convidado dos Workshops Internacionais de Turismo Religioso

A Jordânia, destino de turismo religioso que foi palco de muitas das passagens que constam… Continue lendo

Pin It on Pinterest

Share This