page contents

Círio de Nazaré, a grande festa da fé no Pará

círio de nazaré belem pará noturna

Na belissima imagem noturna, o círio com Nossa Senhora de Nazaré e a Catedral


Falta menos de um mês para a celebração da festa do Círio de Nazaré, que acontece no dia 14 de Outubro, domingo, em Belém, capital do Pará. Celebrado há mais de 300 anos, o Círio é a maior festa religiosa da região Norte do Brasil, reunindo quase dois milhões de fiéis para dar graças a Nossa Senhora de Nazaré.
Também conhecido  Círio de Nossa Senhora de Nazaré, o tradicional evento de turismo religioso é dividido em diversas celebrações que começam na sexta-feira e terminam no domingo com a procissão que percorre um trajeto de 4,5 quilômetros até a Praça Santuário, em frente à Basílica de Nossa Senhora de Nazaré.

Três séculos de devoção à Virgem Maria
A devoção à Nossa Senhora de Nazaré no Pará começou no ano de 1700, quando o caboclo Plácido encontrou uma imagem da Virgem no igarapé Murutucu – onde hoje é a travessa 14 de março, em Belém. Levou a imagem para casa, mas, misteriosamente, ela retornou ao local onde foi encontrada.
O fato se repetiu várias vezes e Plácido decidiu construir uma pequena capela no lugar do achado, onde milhares de viajantes e romeiros vinham em busca de graças e milagres da santa.
Mas foi somente nove décadas depois que tanta devoção deu origem ao Círio de Nazaré. A procissão foi realizada pela primeira vez como pagamento de uma promessa. Era 8 de setembro de 1793, uma quarta-feira.
Naquele ano, o governador português Francisco Coutinho, impressionado com as romarias à ermida de Nazaré, decidiu organizar uma festa pública para divulgar essa devoção. Toda a população do interior foi convidada para uma grande feira, onde as pessoas iriam expor seus produtos da lavoura, além de participar de um fascinante evento religioso.
Às vésperas da festa, o governador adoeceu. Prometeu à Virgem que se melhorasse iria buscar a imagem na ermida para levá-la até o Palácio do Governo, onde faria celebrar uma missa. Em seguida, a traria de volta em romaria.
Recuperado, o governador cumpriu sua promessa e assim se iniciou a maior procissão religiosa do Brasil, nas ruas de Belém.
Até o início do ano 1900, a grande procissão acontecia em setembro. Hoje, é realizada no segundo domingo de outubro. O percurso também era diferente, pois inicialmente saía da capela do Palácio do Governo em direção à ermida no Igarapé Murutucu.
Em 1882, o bispo Dom Macedo Costa decidiu que o ponto de partida seria a Catedral. As ruas de Belém não eram asfaltadas e viravam grandes atoleiros com as cheias da baía de Guajará, que banha parte da cidade, em especial a área onde passa a procissão. Por causa disso, a Berlinda com a imagem da santa era puxada por bois, que precisavam do reforço de uma corda num desses atoleiros.
No século XX, os bois foram retirados da procissão porque começaram a oferecer risco para os fiéis que acompanhavam a imagem, mas a corda permaneceu e se tornou um dos principais símbolos da festa de Nazaré.
Compartilhe

Matérias recentes

Falta uma semana para 6a Romaria de Profissionais de Turismo em Aparecida

Falta uma semana para 6a Romaria de Profissionais de Turismo em Aparecida

  Falta só uma semana para o início da sexta edição da Romaria Nacional dos Profissionais de Turismo a Aparecida,… Continue lendo

20 de setembro de 2019
Canonização de Irmã Dulce deve dar novo impulso ao turismo religioso na Bahia

Canonização de Irmã Dulce deve dar novo impulso ao turismo religioso na Bahia

  No próximo dia 13 de outubro, Irmã Dulce deixa de ser beata e passa a ser reconhecida como santa… Continue lendo

13 de setembro de 2019
Fórum de Turismo e Espiritualidade acontece no dia 18 em São Paulo

Fórum de Turismo e Espiritualidade acontece no dia 18 em São Paulo

Um novo evento focado no turismo religioso e espiritual promete ser o foco das atenções dos profissionais do segmento na… Continue lendo

11 de setembro de 2019
Aparecida ganha ônibus turístico entre o Santuário Nacional e o de Frei Galvão. em Guaratinguetá

Aparecida ganha ônibus turístico entre o Santuário Nacional e o de Frei Galvão. em Guaratinguetá

  A partir de agora quem visita Aparecida passa a contar com mais uma opção para conhecer os principais pontos… Continue lendo

10 de setembro de 2019
Aparecida deve receber 300 mil devotos durante o feriado da Independência

Aparecida deve receber 300 mil devotos durante o feriado da Independência

  Último feriado nacional antes das comemorações da Padroeira do Brasil, em 12 de outubro, o feriado da Independência deve… Continue lendo

6 de setembro de 2019
Rota da Luz: saiba onde carimbar o seu passaporte eletrônico

Rota da Luz: saiba onde carimbar o seu passaporte eletrônico

  Quem vai fazer a peregrinação à pé até Aparecida pela Rota da Luz SP e deseja ter um comprovante… Continue lendo

6 de setembro de 2019