Autor: Amadeu Castanho

Irmã Dulce dos Pobres dá mais destaque ao turismo religioso na Bahia

A beatificação de Irmã Dulce, “o anjo bom da Bahia”, no último dia 22 de maio, já está servindo para que o turismo religioso tenha mais destaque no estado e no Brasil. O Memorial Irmã Dulce, em Salvador, que recebia aproximadamente 35 mil pessoas por ano, já registra um aumento de 70% no volume de visitantes desde o anúncio da beatificação. Neste ano, são esperados 80 mil fiéis.

Continue lendo

Santuário de Aparecida é reconhecido como ponto turístico nacional

O reconhecimento é um marco para o setor, já que significa que o governo federal reconhece oficialmente e de forma concreta a importância do turismo religioso. O certificado do Ministério do Turismo vai permitir obter recursos do BNDES a taxas de juros reduzidas para investir na construção do complexo turístico “Cidade do Romeiro”

Continue lendo

Novo Guia Verde do Rio de Janeiro apresenta as igrejas cariocas

Conhecer igrejas e templos religiosos também é um tipo de turismo religioso, tanto para quem mora em uma cidade quanto para os visitantes. Entrar em um templo religioso é sempre uma oportunidae para se aproximar de Deus. A grande vantagem desta modalidade de turismo religioso é que ela pode ser praticada mesmo quando a viagem não é religiosa. O Guia Verde Michelin do Rio de Janeiro pode ser um ótimo companheiro nesse tipo de atividade.

Continue lendo

Cadastre-se!

SIGA-NOS !

FEED NO INSTAGRAM

PARTICIPE!

ASSUNTOS

Pin It on Pinterest